Economia

Balanço aponta o Acre como líder de vendas durante feira em São Paulo

Rayele Oliveira
29.10.2016 11:03

Leis irão valorizar e fomentar a cadeia produtiva do artesanato acreano (Foto: Angela Peres/Secom)

Artesanato acreano foi apreciado durante evento nacional (Foto: Angela Peres/Secom)

As boas notícias para o artesanato acreano não param de chegar. O balanço da feira Brasil Original, realizada entre os dias 20 e 23 deste mês, em São Paulo, apontam que o Acre liderou as vendas durante o evento.

Além de ter sido eleito pelo Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) como o mais bonito da feira, o estande acreano comercializou o equivalente a R$ 301.042, com quase três mil peças vendidas.

O evento reuniu artesãos de 26 estados brasileiros. Depois do Acre, Minas Gerais, Alagoas, Bahia e Rio Grande do Sul foram os destaques, com bons resultados.

“Esse resultado só mostra a força do nosso artesanato e aonde ele pode chegar. Também reforça a importância das políticas públicas e toda a atenção em investimentos que o Estado tem dado ao setor”, comemora o secretário de Estado de Pequenos Negócios, Henry Nogueira.

Investimentos

No Acre, há mais de 550 artesãos inseridos no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab), e o esforço do governo, por meio da Secretaria de Pequenos Negócios (SEPN), com o apoio do Sebrae, tem sido no intuito de fortalecer cada vez mais o setor no estado.

Exemplo disso tem sido a promoção de feiras mensais no Via Verde Shopping, onde os artesãos chegam a movimentar mais de R$ 10 mil em um dia de exposição.

A loja Acre Made in Amazônia, localizada no Via Verde Shopping, também foi uma conquista do segmento.

Para valorizar ainda mais a identidade do artesanato acreano, toda a articulação foi feita para que o espaço expusesse o trabalho desses profissionais.

Mais notícias