Caminhos para o futuro do Acre – Editorial

Caminhos para o futuro do Acre - Editorial

Estamos completando um ciclo no qual nós, da agência Notícias do Acre, trabalhamos com transparência, respeito e verdade, apresentando aos leitores os resultados, desafios e caminhos que o governo de Tião Viana conduziu o Estado nos últimos anos, ultrapassando um dos períodos mais conturbados da história política e econômica do Brasil, com muito trabalho, compromisso e responsabilidade.

Mesmo em um cenário de dificuldades, foi um período com grandes investimentos no setor agroindustrial aliado à agricultura familiar, com garantia de acesso à saúde, educação e trabalho, com destaque aos investimentos para a segurança de nosso povo.

Em 2011, Tião Viana iniciou uma jornada de sonhos que transformaria profundamente este estado amazônico, imerso na floresta. Verdadeiras revoluções no saneamento e saúde pública com o Ruas do Povo e o Saneamento Ambiental Integrado para municípios de difícil acesso; ligando os dois extremos do estado com a conclusão da rodovia BR-364; na produção ao iniciar duas grandes cadeias produtivas, a suinocultura e piscicultura, com parceria público, privado e comunitário; plantando quase cinco milhões de árvores produtivas, entre outras ações.

O governo do Tião Viana também olhou com carinho e sensibilidade para as pessoas, com o programa Cuidando dos Seus Olhos, realizando mais de 30 mil cirurgias oftalmológicas; e com o Quero Ler, 60 mil pessoas estão aprendendo a ler e escrever, saindo da escuridão do analfabetismo; Realizando mais 340 transplantes, em 2017 a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), declarou o estado como o 4º melhor Estado do país em captação e transplante de órgãos.

Nesse período atravessamos dois dos maiores desastres naturais de nossa história, as enchentes do Rio Madeira e do Rio Acre em 2014 e 2015. Questões enfrentadas com responsabilidade e liderança.

Hoje a economia do Acre cresce mais que a de grandes estados brasileiros, segundo o Banco Itaú. E está entre as nove unidades federativas mais equilibradas financeiramente, de acordo com o Tesouro Nacional, e nos últimos 13 anos, o estado se estabeleceu como o quarto com maior crescimento acumulado do Produto Interno Bruto (PIB).

O Acre teve crescimento econômico, controle no desmatamento e se manteve estável em seus gastos públicos. Assim, a gestão de Tião Viana deixa R$ 1,3 bilhão em caixa para investimentos em diversas áreas.

Com humildade, Tião Viana sabe que terminará o ano de 2018 com um caminho de futuro iniciado e pronto para ser seguido pelos próximos governos.

Governo de Tião Viana investiu mais de R$ 2 bilhões em obras

Com 27 obras a serem entregues até fim de 2018, Tião Viana terminará sua gestão com um movimento de mais de R$ 1 bilhão somente nos projetos com participação da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Obras (Seop) em todo o Acre e mais de R$ 1 bilhão em saneamento com o Ruas do Povo. […]

Em 10 anos na Força-Tarefa de Governadores, Acre é destaque em políticas ambientais

Com objetivos comuns que unem 38 estados de dez países, a Força-Tarefa de Governadores para o Clima e Florestas (GCF) tem como um dos membros fundadores o Acre, estado situado ao Norte do país e detentor de 87% de floresta nativa. Criado em 2008, o GCF atua no estimulo e fortalecimento de programas jurisdicionais que […]

Desenvolvimento sustentável é realidade no Complexo de Florestas Estaduais do Gregório

Desenvolvimento sustentável é realidade no Complexo de Florestas Estaduais do Gregório A produção sustentável no Acre tem um significado maior que apenas a questão econômica e de desenvolvimento. Ela representa uma oportunidade de inclusão social. Os moradores de comunidades florestais, distantes ou não dos centros urbanos, ganham uma alternativa de renda e um caminho de [...]

Governo atinge meta de 60 mil atendimentos no programa Quero Ler

This is custom heading elementTexto de Stalin Melo || Fotos de Arquivo Secom || Diagramação de Andrey Santana Rio Branco, 15 de novembro de 2018 Dar oportunidade aos jovens e adultos o acesso ao mundo das letras e tirar o Acre do mapa do analfabetismo até o fim de 2018 foi um dos grandes desafios [...]