http://www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2018/04/IMG-20180412-WA0010-1032x400.jpg
Economia

Com ação do Estado, Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema terá Núcleo Produtivo de Artesanatos

Juliana Carla
13.04.2018 10:52
Atualizado 18.04.2018 às 17:30

Na última quarta-feira, 11, foi realizada a assinatura alusiva do convênio firmado entre a Associação de Seringueiros do Seringal Cazumbá (ASSC) e Fundação Banco do Brasil por meio da ECOFORTE, no valor de R$ 600 mil para a construção do Núcleo Produtivo de Artesanatos em látex na Reserva Extrativista Cazumbá-Iracema, localizada na região do Purus.

A meta do governo do estado para o setor é consolidar o projeto de incentivo a produção e comercialização do trabalho dos artesãos acreanos, por meio da o governo do estado por meio da Secretaria de Pequenos Negócios (Sepn).

Com a estruturação física do núcleo, os moradores da reserva receberão incentivos para a confecção e comercialização de seus produtos artesanais, a partir do conceito de sustentabilidade, ou seja, utilizando os recursos da natureza sem prejudicar o meio ambiente, pensando nas gerações futuras.

Cazumbá-Iracema terá Núcleo Produtivo de Artresanatos (Foto: cedida)

O coordenador do setor de artesanato acreano, Wanderson Lopes, ressalta que o programa de artesanato acreano tem gerado resultados satisfatórios, por essa razão busca expandir para as demais comunidades.

“Nossa expectativa é que a cadeia produtiva na Reserva Cazumbá se fortaleça e se consolide, que seja referência como a cadeia produtiva mais organizada e consolidada, tanto estruturalmente, como em produção e comercialização”, ressaltou o coordenador do artesanato acreano, Wanderson Lopes.

Do montante adquirido, R$ 260 mil será destinado a construção da estrutura física do Núcleo, o restante do valor será investido em máquinas, equipamentos e insumos necessários para que a comunidade possa dar continuidade à sua produção artesanal.

Além disso, estão previstas no projeto capacitações em gerenciamento, controle financeiro, qualidade da produção, imagem, marketing que serão ministradas pelo SEBRAE/AC na própria reserva como forma de parceria. A Instituição faz parte da criação e estruturação da Associação do Seringal Cazunbá desde a sua fundação junto ao ICMBio gerando emprego e renda.

Geração de emprego e renda

O artesanato acreano tem transformado a vida de muitas pessoas em todo o estado, graças aos investimentos do governo por meio da Secretaria de Pequenos Negócios (Sepn). Só em 2017, o setor rendeu mais de R$ 4 milhões aos empreendedores artesanais, incluindo a participação em feiras regionais e nacionais.

No decorrer deste ano, diversos projetos serão desenvolvidos para consolidar a política de desenvolvimento profissional implementada pelo governo do Estado no fortalecimento das cadeias produtivas, com a finalidade de gerar emprego e renda nas vinte e duas cidades acreanas.

 

Mais notícias