Saúde

Governo realiza o sétimo transplante de fígado em 2017

Maxmone Dias
17.07.2017 15:20

O Acre é um dos estados que mais realiza transplantes de fígados em todo o país. De acordo com o ranking nacional de transplantes, o estado fica atrás apenas do Distrito Federal.

E na madrugada desta segunda-feira, 17, esse número ficou maior. Durante mais de oito horas de cirurgia, o Hospital das Clínicas realizou, com sucesso, mais um transplante de fígado.

A doação do órgão foi uma iniciativa da família de um jovem de 17 anos, que morava em Belém, capital do estado do Pará, e que faleceu vítima de traumatismo cranioencefálico.

Quem recebeu o fígado doado foi Maria da Glória da Costa Silva, de 55 anos. Paciente oriunda de Cruzeiro do Sul e acometida de cirrose hepática e hepatite B e delta, o transplante era a única alternativa para que ela continuasse a viver.

A preparação para mais um procedimento se iniciou quando a Central de Transplantes do Acre foi informada da disponibilidade de um órgão compatível para a paciente, que reside no Juruá, e veio a Rio Branco via Tratamento Fora de Domicílio (TFD).

Valéria Monteiro, enfermeira que acompanha a paciente, enfatizou que a cirurgia foi um sucesso, já que o fígado doado, pela idade do doador, encontrava-se em ótimo estado e o procedimento cirúrgico aconteceu sem nenhuma complicação.

“A paciente já estava bastante debilitada e precisava desse transplante. A cirurgia ocorreu dentro do esperado e agora é aguardar que o organismo dela reaja bem e não tenhamos nenhum tipo de rejeição. A expectativa é que seja uma recuperação rápida”.

Só de fígado, já são sete transplantes realizados pelo Hospital das Clínicas em 2017. Desde 2006, já foram realizados 294 transplantes no Acre, sendo 86 de rins, 185 de córneas e 23 de fígado.

Mais notícias