Cidades do Acre

Governo sensibiliza servidores a abraçarem campanha de apoio ao Juruá

Rayele Oliveira
15.02.2017 16:46

Walnizia Cavalcante levou a mensagem de solidariedade ao representar Marlúcia Cândida (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

A população de Cruzeiro Sul encara este ano a maior enchente de sua história. E o apoio às famílias atingidas foi uma das pautas do encontro com servidores, promovido pela Secretaria Adjunta de Humanização nesta quarta-feira, 15, na filmoteca da Biblioteca Pública, em Rio Branco.

A agenda, que reuniu representantes da Rede de Estado de Humanização da Gestão Pública, teve o intuito de massificar a importância da divulgação acerca da campanha SOS Enchente Juruá, lançada na última semana pela primeira-dama Marlúcia Cândida, por meio do movimento Acre Solidário.

A enchente do Rio Juruá afetou quase três mil pessoas diretamente na cidade, desabrigando mais de 80 famílias, que precisaram ser acomodadas em abrigos públicos, além de mais de 540 que foram para as casas de parentes e amigos.

Encontro reuniu servidores da Rede de Humanização (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

Walnizia Cavalcante representou a primeira-dama e relembrou o apoio recebido pela população do Juruá quando Rio Branco vivia a mesma situação, em 2015.

“Nós chegamos a receber caminhões de roupas e alimentos que ajudaram centenas de famílias. Agora é a vez de Rio Branco abraçar essa causa, em solidariedade aos irmãos do Juruá. Queremos tocar os corações mais sensíveis para nos ajudarem nisso”, destacou.

A Rede de Humanização sempre esteve na linha de frente nas mobilizações das campanhas sociais encabeçadas pelo Acre Solidário no estado.

De acordo com a secretária adjunta Elineide Meireles, dessa vez não será diferente.

Elineide frisou a importância de abraçar campanhas como essa (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

“A Rede de Humanização faz questão de todas as vezes fazer a sua doação pessoal. Porque acreditamos que, se cada um fizer a sua mobilização nos universos em que convive, seja na igreja, em casa ou no trabalho, esse elo fica mais forte”, frisa.

A arrecadação de donativos está sendo feita no Palácio das Secretarias e na Central de Serviços Públicos (OCA).

O propósito é receber doações de redes, itens não perecíveis da cesta básica, produtos de limpeza doméstica e kits de higiene pessoal.

Toda a população de Rio Branco poderá entregar sua contribuição nesses postos de coleta.

Mais notícias