Saúde

Huerb promove capacitação sobre síndrome coronariana aguda

Lane Valle
18.05.2017 15:03

Profissionais em saúde participaram de mais uma capacitação promovida pelo Huerb (Foto: Lane Valle)

Fundamental para aprimorar os conhecimentos e a prática clínica de médicos, enfermeiros, técnicos e demais profissionais da rede de saúde, o Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) promoveu mais uma capacitação nesta quinta-feira, 18.

Desta vez, o tema foi síndrome coronariana aguda, conhecida também como infarto agudo do miocárdio, e teve como palestrante convidado João Moraes, cardiologista que atua no Hospital Agamenon Magalhães, em Recife (PE). “Hoje, o ataque cardíaco é o que mais mata no Brasil e no mundo. Por isso é tão importante que os profissionais em saúde estejam sempre se atualizando”, ressalta o instrutor.

O cardiologista explica ainda que a dor no peito é o sintoma mais comum. “A doença pode se manifestar de várias maneiras, mas a dor no peito é um dos principais sintomas. Os infartos podem ser evitados em 80% se forem evitados fatores de risco como tabagismo, estresse e pressão alta.”

O diretor-geral do Huerb, Fabrício Lemos, ressalta que o curso permite que os profissionais de saúde da rede tenham mais subsídios para atender os pacientes. “Desde o ano passado, tivemos essa visão de baixar as taxas de mortes do Huerb. Com esse olhar mais humanizado, investimos em nossos profissionais, oferecendo capacitações e encontros que venham proporcionar maior conhecimento.”

O resultado do investimento é a redução de mais de 50% nos casos de óbitos relacionados a pacientes que deram entrada no Huerb vítimas de infarto do miocárdio.

Mais notícias