Governo

Segurança Pública reforça policiamento com Operação Papai Noel

Marcelo Torres
14.11.2017 18:48

(Foto: Angela Peres)

Nos últimos dias as forças de Segurança Pública vêm realizando uma série de operações policiais visando coibir ações criminosas. Nesta terça feira, 14, a Policia Militar do Acre lançou a operação Papai Noel, que ocorre todos os anos, porém o diferencial deste ano é que as ações se dividem em duas fases começando no mês de novembro.
A operação Papai Noel é lançada todo início do mês de dezembro, mas esse ano a Polícia Militar antecipou as suas ações para somar com as outras forças no combate ao crime, aumentando o efetivo de policiais nas ruas.

Nessa primeira fase será iniciada com 61 policiais militares e mais 21 viaturas, como explica o comandante-geral da Polícia Militar, Júlio Cesar. “Esse é um período de grande circulação de dinheiro, portanto estamos preparados com uma frota renovada, qualificada e aparelhada para desenvolver as ações ostensivas em todo Estado, para evitar os assaltos em lojas, comércios e saídas de bancos”, explicou Júlio Cesar.

A Operação Papai Noel iniciará na próxima semana no interior do Estado, com um número maior de policiais militares nas principais vias das cidades e também nos bairros. De acordo com secretário-adjunto de Integração Operacional da Sesp, Marcos Kinpara, no dia 12 de dezembro se inicia a segunda fase da operação Papai Noel, com mais 60 policias que vêm somar com os que já estão participando.

O tenente-coronel e Comandante de Policiamento Operacional (CPO), Atahualpa Ribera, responsável pela região central da capital, afirma que homens da Policia Militar estarão patrulhando a região de comércio em pontos de maior circulação de pessoas.

“Através do serviço de inteligência da PM e da Segurança Pública, foram mapeados os locais com maior índice de criminalidade, contudo há uma atenção maior para essas áreas. Os bairros não ficarão desguarnecidos, pois outras três equipes vão ficar responsáveis por fazer abordagens nos bairros e blitz”, informou Atahualpa Ribera.

Mais notícias