http://www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2018/01/Sergio_Vale-16-min-1200x400.jpg
Governo

Plano de ações preventivas é iniciado devido à elevação do Rio Acre

Nayanne Santana
11.01.2018 11:40
Atualizado 12.01.2018 às 13:57

Em Rio Branco, a cota de alerta da Defesa Civil é de 13,40 metros e a de transbordamento de 14 metros (Foto: Sérgio Vale)

As equipes do governo do Estado e Prefeitura de Rio Branco deram início nesta quinta-feira, 11, às ações estratégicas preventivas em face da constante elevação do nível das águas do Rio Acre. Na medição realizada às 6 horas, o manancial registrou a marca de 12,17 metros.

De acordo com dados da Defesa Civil do Estado, em 2017, nesta mesma data, o Rio Acre registrava a marca de 7,86 metros, em 2016, 4,89 metros e em 2015 – ano que registrou a maior cheia do manancial ao chegar a marca dos 17,88 metros -, no dia 11 de janeiro, a medição indicava 8,18 metros.

O coordenador da Defesa Civil de Rio Branco, coronel George Santos, informou que na manhã desta quinta-feira foram construídos 100 boxes, no Parque de Exposições da capital, para abrigar famílias que possam ter seus imóveis atingidos pelas águas do rio.

“A cota de alerta da Defesa Civil é de 13,40 metros e a de transbordamento de 14 metros, mas na prefeitura da capital começamos as ações com antecipação. Então, quando o rio atinge os 12 metros já começamos a construir os boxes e intensificar as atividades de monitoramento”, explicou o coronel.

As atividades que devem ser executadas neste período foram debatidas na tarde de quarta-feira, 10, durante reunião entre a governadora em exercício Nazareth Araújo e o prefeito Marcus Alexandre, no gabinete civil.

“A gente pensa no que pode acontecer de mais grave e torce, claro, para que não ocorra. Mas havendo a necessidade, precisamos dar a resposta e estamos preparados para isso. É a preparação que nos dá a tranquilidade das ocorrências que são típicas da nossa região amazônica, de tratá-las com aquilo que é o respeito à população e com a serenidade que a prevenção nos garante e é adequada para esse tipo de evento”, salientou Nazareth Araújo.

 

Mais notícias