http://www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2018/10/Foto-Alexandre-Noronha-1-min-1200x400.jpg
Geral

Polícia Civil realiza mutirão de RGs a reeducandos do Iapen

Juliana Carla
03.10.2018 17:43
Atualizado 09.10.2018 às 16:05

O Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e o Instituto de Identificação da Polícia Civil realizou nesta quarta feira, 3, um mutirão para emissão da primeira e/ou segunda via do Registro Geral – RG,  para presos que estão em regime semiaberto com monitoração eletrônica.

Mutirão de RGs foi oferecido pelo Instituto de Identificação na sede do Iapen (Foto: Alexandre Noronha/Secom)

Os serviços foram oferecidos na sede do Iapen, com o objetivo de promover cidadania e dignidade a essas pessoas. Ao todo, foram emitidos aproximadamente 75 documentos para os presos monitorados que não possuíam o RG.

De acordo com a assistente social Tânia Filgueiras, uma das responsáveis pela ação, a oferta desse serviço visa estender a ação que é desenvolvida dentro do sistema penitenciário. “Esse é um serviço que é realizado dentro das unidades do sistema penitenciário no estado, estamos estendendo a essas pessoas que estão sob monitoramento eletrônico, proporcionando dignidade, praticidade e agilidade e o que é melhor, de forma gratuita, afinal todos precisam ter seus documentos”, ressaltou.

O reeducando Endy Cavalcante não observou a orientação de manter o documento em seu estado original e plastificou seu RG, deixando o documento com problemas na identificação, por essa razão ficou sem o documento e aproveitou para pedir a segunda via do mesmo.

“Meu documento ficou com problema depois que eu plastifiquei e não dava pra usar mais. Essa oportunidade tem sido uma benção pra gente, porque às vezes somos discriminados pela sociedade e tem essas portas abertas aí pra gente poder tirar nosso documento de uma maneira digna e sem pagar nenhuma taxa, é muito bom pra nós”, disse.

Há nove meses Irisvaldo Silva estava sem a documentação, mas com essa oportunidade vai poder ter a segunda via do RG. “É muito bom pra mim, porque aqui a gente consegue tirar o documento mais fácil e sem pagar nada, aqui já faz tudo e agora é só esperar pra receber meu RG novo”, disse Silva.

Mais notícias