Segurança

Segurança Pública registra madrugada tranquila em Rio Branco

Marcelo Torres
16.02.2017 8:09

Cerca de 500 policiais estão nas ruas para atuar nas ações de combate ao crime organizado (Foto: Diego Gurgel/Secom)

Durante toda a noite de quarta-feira,15, e a madrugada de quinta-feira, 16, homens das polícias Militar, Civil e Corpo de Bombeiros estiveram nas ruas com atuações firmes em abordagens de veículos e pessoas. Ainda no início da tarde ontem, a polícia realizou o cumprimento de 40 mandados de buscas e prisões em Rio Branco.

A madrugada desta quinta-feira, 16, foi considerada tranquila pela cúpula de segurança, em virtude das escoltas policiais nos ônibus do transporte público, não foi registrada nenhuma tentativa de atentados contra os coletivos. Entretanto, foram registrados incêndios no Centro Cultural Lydia Rammes, no Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja), ambos no bairro Aeroporto Velho, em uma residência abandonada no bairro Montanhês e também em um comércio em Tarauacá. A polícia investiga se todos esses casos têm ligação com os atentados de organizações criminosas.

“Estamos adotando a mesma estratégia que estabelecidas ontem com policiamento dentro dos coletivos e escoltando os ônibus, as buscas por esses criminosos continuam até devolver a sociedade a sensação de paz e tranquilidade”, declarou o secretário de Segurança Pública, Emylson Farias.

União entre as forças

Homens do Exército Brasileiro estão fiscalizando as entradas e saídas da cidade, dentro da faixa de fronteira, onde é atribuição das forças armadas. Policiais rodoviários federais também atuam nas rodovias BR-364 e 317 verificando veículos e abordando suspeitos.

A segurança também está reforçada no maior presídio de Rio Branco, Francisco D’Oliveira Conde. Agentes penitenciários e guarda militar penitenciária estão empenhados nas atividades carcerárias, além das equipes de plantão também há profissionais trabalhando de maneira voluntária, dentro das unidades.

Mais notícias