https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/Altair-Mendes-04-206.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Saúde

Acre segue fazendo história com novo transplante de fígado

Da Redação
15.02.2018 17:42
Atualizado 20.02.2018 às 17:44

Enquanto muitos comemoravam o último dia de folia do carnaval, o acreano de Cruzeiro do Sul Odair Lima das Chagas celebrava o início de uma nova vida. Sim, foi na quarta-feira de cinzas, 14 de fevereiro, que o paciente de 26 anos, inscrito desde novembro do ano passado na Central de Transplantes, recebeu um novo fígado.

O procedimento foi conduzido pelo cirurgião hepático Tércio Genzini, uma das maiores referências em transplantes de fígado no Brasil e responsável pelas equipes de transplantes do Acre e do grupo Hepato de São Paulo.

O órgão transplantado foi doado por uma família de Cuiabá, capital de Mato Grosso, que perdeu um familiar de 42 anos vítima de traumatismo craniano encefálico e foi trazido ao Acre por uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB). Ao todo, já foram realizados 33 transplantes de fígado no Acre, fazendo com que o estado seja, proporcionalmente, um dos que mais realiza esse procedimento em todo o país. Na Região Norte, é o único estado com programa ativo de fígado.

Desde a criação da Central Estadual de Transplantes, há onze anos, o Hospital das Clinicas já realizou 323 transplantes de fígado, rim e córneas. Somando aos procedimentos viabilizados por meio do  Tratamento Fora de Domicílio (TFD) o Acre supera a marca de 600 transplantes realizados.

Mais notícias