https://i0.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/06/IMG-20190606-WA0020.jpg?resize=774%2C400&ssl=1
Educação

Colégio Dom Pedro II recebe premiação do concurso Crianças mais Saudáveis

Da Redação
06.06.2019 14:25
Atualizado 06.06.2019 às 17:15

O projeto Quintal do Dom desenvolvido no Colégio Militar Dom Pedro II, em Rio Branco, foi um dos dez vencedores do concurso nacional Crianças mais Saudáveis da Fundação Nestlé. A cerimônia de premiação foi realizada na terça-feira, 5, em São Paulo, e contou com a presença de representantes das 10 escolas vencedoras da 2ª edição do evento.

No Acre, o Quintal do Dom pretende promover a educação ambiental e nutricional em ambiente lúdico com alimentos da Amazônia, beneficiando 781 crianças e adolescentes que frequentam o ambiente escolar.

Solenidade de premiação foi realizada em São Paulo (Foto: cedida)

“O nosso projeto será desenvolvido ao longo desse segundo semestre. Nós teremos atividades como a construção de hortas, pomar, composteira, bem como também a reforma de um ambiente para atividades diferenciadas e atividades físicas”, destacou a professora Sthephane Prado.

O concurso educacional ocorreu entre os dias 18 de fevereiro e 26 abril e recebeu 883 inscrições e 446 projetos dos 26 estados brasileiros. Em seu segundo ano consecutivo, o Prêmio Crianças Mais Saudáveis atua para promover a alimentação equilibrada e a prática de atividades físicas nas escolas públicas, e fazer diferença na vida de estudantes e de suas famílias.

“Acho que é um projeto muito bom e a gente tem que incentivar mais isso, tentar fazer com que eles melhorem a alimentação deles”, destacou Maria Almeida, mãe de um dos alunos. Já a estudante Eliza Melo de Souza completa dizendo que “esse projeto vai estar influenciando a todos a manter esse ritmo de uma alimentação bem equilibrada e das atividades físicas”.

Cada escola contemplada receberá R$35 mil para investir em materiais, equipamentos e até em obras, reformas e revitalização de espaços. Entre os vencedores estão projetos do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Maranhão, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

Mais notícias