https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/03/GUR_5441-580x385.jpg?resize=580%2C385&ssl=1
Cidades do Acre

Desperdício é a Gota D’Água é tema de campanha de preservação dos recursos amazônicos

Mágila Campos
23.03.2019 17:14
Atualizado 25.03.2019 às 13:46

A água é fundamental para a vida no planeta, e apesar de cerca de 75% da superfície ser constituída por ela, apenas 3% desse volume é de água doce. Além disso, a maior parte está concentrada em geleiras, calotas polares e lençóis freáticos, o que impõe a necessidade urgente de preservação dos recursos existentes e acessíveis.

Atento a isto, o governo do Acre, lançou a campanha ‘Desperdício é a Gota D´Água’, para conscientizar os acreanos sobre a necessidade de cuidar das bacias hidrográficas da região, que são constituídas pelas regiões do Juruá, Purus, Acre e Madeira, bem como de seus principais rios  e afluentes. Além também de evitar o desperdício doméstico.

A campanha foi lançada em Rio Branco, no Dia Mundial da Água, celebrado em 22 de março. A ação é uma iniciativa da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado do Acre (Ageac), em parceria com o Departamento de Pavimentação e Saneamento Básico (Depasa).

Na ocasião a presidente da Ageac, Mayara Lima, explicou que a campanha vem para despertar a responsabilidade socioambiental da juventude com relação ao uso dos recursos hídricos, cada vez mais escassos no mundo.

A preservação das reservas naturais é um dos foco da campanha (Foto: Diego Gurgel/Secom)

“A água é fonte de vida e também um vetor de desenvolvimento. E por ser essencial, tornou-se um problema em todos os continentes. E nós, apesar de vivermos na Amazônia, enfrentamos eventos extremos como secas e inundações. A campanha vem para conscientizar a nossa população sobre a preservação e o uso consciente desse recurso que é finito”, explica.

A presidente destacou ainda que a campanha educativa, apesar de ter sido lançada no Dia Mundial da Água, não tem prazo para terminar, que vai se estender e chegar aos municípios mais afastados do Acre, no decorrer do ano.

“Precisamos provocar uma mudança de hábito da população e assim melhorar a qualidade de vida de todos. Por isso, a pedido do nosso governador, a campanha vai alcançar os 22 municípios acreanos, começando pelas escolas de ensino médio”, explica.

Além do foco no desperdício doméstico e na poluição de rios e nascentes, outro ponto abordado na campanha diz respeito a conscientização da população quanto ao pagamento da tarifa de água ao Depasa, órgão responsável pela arrecadação.

Evitar o desperdício doméstico e incentivar o pagamento da fatura de água é outro ponto da campanha (Foto: Arquivo Secom)

“Para a água potável chegar a todas as residências é necessário muitos investimentos, por isso é fundamental que o usuário pague sua conta de água, porque sem o equilíbrio econômico-financeiro do estado, que remunere os investimentos e os serviços prestados, não há como fazer com que milhares de acreanos tenham acesso ao abastecimento”, explica Filogonio Cassiano, do setor de Controle da Qualidade da Água do Depasa.

Campanha atende os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Vera Reis, diretora executiva da Secretaria de Meio Ambiente (Sema), lembrou que a campanha contempla os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU).  Que entre as 17 metas globais, o ODS 6,  trata de assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos.

A diretora ressaltou que 40% da população mundial é afetada pela escassez de água, e que a mudança do clima vem provocando eventos globais catastróficos, e, modificando os modos de vida da população mundial. Que a crise hídrica está vinculada a tudo, inclusive a erradicação da pobreza.

“Sem água as pessoas não saem da linha da miséria, por isso o ODS está vinculado à fome zero e a agricultura sustentável. Está vinculado também a saúde e bem-estar das pessoas, a comunidades e cidades sustentáveis, e ainda a ação humana contra as mudanças climáticas globais”, destaca.

A campanha vai chegar aos 22 municípios do Estado (Foto: Arquivo Secom)

A pesquisadora, que é especialista em gestão de recursos trans-fronteiriços, destacou também que é preciso implementar políticas de integração que contemplem as diferentes bacias hidrográficas da região. E que a integração de diferentes instituições governamentais é um passo importante para a execução de ações eficazes.

“Cada uma dessas unidades de gestão, tem características peculiares e comportamentos diferenciados. Por exemplo, os ribeirinhos do Rio Juruá têm culturas diferentes dos ribeirinhos do Rio Acre, por isso a necessidade de criar estratégias diferenciadas para cada unidade de gestão”, ressalta.

Desperdício é a Gota D´Água

Durante o evento de lançamento da campanha, teve ainda a palestra ‘Desperdício é a Gota D´Água’, ministrada pelo doutor em Biodiversidade e Biotecnologias da Amazônia, Júlio Cesar Mattos. Na ocasião o estudioso, que atualmente trabalha na Ageac, destacou a importância do tema para as atuais e futuras gerações.

Explicou que é necessário uma mudança de comportamento em relação ao uso da água, aliada a redução de perdas e uma arrecadação justa. “O material da nossa campanha é educativo e de forma didática, mostra como pequenas atitudes diárias, podem fazer a diferença para o meio ambiente”, destaca.

Parte da equipe da Ageac e Depasa, órgãos responsáveis pela campanha (Foto: Secom)

Entre as atitudes cotidianas estão medidas simples, como: fechar a torneira enquanto escova os dentes, pois, ao manter a torneira aberta enquanto realiza a higiene bucal, o usuário gasta em média 8 litros de água por minuto.

Outra atitude que pode ajudar a reduzir o desperdício é reutilizar a água da máquina de lavar roupas, e, assim reduzir em torno de 135 litros de água por vez. Além também de desligar o chuveiro enquanto aplica produtos nos cabelos.

Mais notícias