https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/05/0cce9bf4-5983-4efa-8486-e418ae5e635f.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Economia

Detran/AC realiza cerimônia de encerramento das atividades do Maio Amarelo em Cruzeiro do Sul

Andreia Nobre
31.05.2019 11:59
Atualizado 31.05.2019 às 11:59

Para marcar o encerramento das atividades alusivas ao Movimento Maio Amarelo no Estado, o Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran/AC), por meio da 1ª Circunscrição Regional de Trânsito de Cruzeiro do Sul (1ª Ciretran), realizou nesta sexta-feira, 31, solenidade de encerramento da campanha.

Mais de 450 pessoas participaram da cerimônia de encerramento do Maio Amarelo (Foto: Andréia Nobre/Detran/AC).

O evento foi realizado no Teatro dos Nauás, em Cruzeiro do Sul, e contou com a participação de estudantes da rede pública, servidores do Detran, autoridades locais e parceiros, mais de 450 pessoas participaram do evento.

Segundo o presidente da autarquia, Luiz Fernando Duarte, o objetivo da campanha foi alcançado. “O Detran, a sociedade civil, o poder público e  a iniciativa privada, se uniram para levar conscientização nas vias, nas escolas, empresas, televisão, rádio, em todos os locais possíveis. Nos unimos parar chamar atenção da sociedade sobre  os altos índices de mortes e feridos no trânsito”, afirmou o presidente do autarquia.

O evento contou com apresentações musicais e teatrais (Foto: Andréia Nobre/Detran/AC).

O secretário municipal dos Transportes e Trânsito de Cruzeiro do Sul, Tenente coronel Alves, destacou a importância da educação de trânsito.

“Só através da educação, que nós conseguiremos avançar, e por isso, partir do ano que vem nós iremos implantar na grade curricular das escolas a disciplina de educação para o trânsito, seremos o primeiro município do Acre a fazer isso”, destacou.

Durante o evento, crianças da Creche Maria Cidália Correia de Lima Messias realizaram apresentação de dança e os alunos do projeto Bombeiro Mirim uma exibição musical, e a equipe de educação de trânsito do Detran encenaram uma peça teatral.

Laura Cavalcante, aluna do Projeto Bombeiro Mirim, disse que o trânsito precisa ser mais humano. “No trânsito o sentido é a vida, é preciso amor, consciência e mais união”, destacou.

 

 

 

Mais notícias