https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2010/03/fotos_00_marco_2010_operacao_ciatran_01.jpg?resize=390%2C336&ssl=1
Segurança

Detran e Ciatran iniciam “Operação Semana Santa”

Rafaella Roque, Assessoria Detran
31.03.2010 12:25
Atualizado 31.03.2010 às 12:25

Objetivo é coibir excessos e infração no trânsito durante o feriado prolongado

operacao_ciatran_01.jpg

Equipes de trânsito reforçam fiscalização durante feriado prolongado (Foto: Rafaella Roque/Assessoria Detran)

O Governo do Estado, através do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) em conjunto com a Companhia de Trânsito Urbano e Rodoviário (Ciatran), inicia na tarde desta quarta-feira, 31, a "Operação Semana Santa", que se estende até o dia 5 de abril.

A ação consiste na intensificação das blitze em diversos locais, em especial, nas vias de acesso às entradas e saídas da capital, visto que durante este período há um aumento do fluxo de veículos nas rodovias estaduais de condutores se deslocando para os municípios, chácaras e balneários.

O objetivo desta operação de trânsito é preservar vidas atuando de forma preventiva, ostensiva e repressiva para coibir, principalmente, a associação de bebida alcoólica e direção.    

Segundo o comandante da Ciatran, major Luciano Fonseca, as fiscalizações serão intensificadas com a presença de três equipes, no total de 80 policiais e agentes de trânsito.

"Quem não estiver em condições físicas e psíquicas será convidado a fazer o teste do bafômetro, porém se o condutor se recusar será autuado com base no artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)", explica o major.   

O diretor-geral do Detran, Reginaldo Prates, afirmou que as fiscalizações também serão de caráter educativo, visando orientar os condutores e repassar dicas de segurança. "Nossos agentes e policiais irão verificar a documentação do condutor e do veículo, uso do cinto de segurança e transporte adequado para crianças, entre outras ações", enfatizou Prates.

Assim como no carnaval, os órgãos de trânsito estão trabalhando para que não existam vítimas durante este período.

Mais notícias