https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/01/DSC_1366.jpg?resize=640%2C400&ssl=1
Educação

Novo Ensino Médio será implementado no Acre

Dayana Soares
27.02.2019 10:48
Atualizado 28.02.2019 às 13:07

Seguindo as orientações do Governo Federal, a Educação do Acre começa, já no início do ano letivo de 2019, a implementar as novas matrizes curriculares do Novo Ensino Médio em dez escolas pilotos de Rio Branco.

São elas: João Batista Aguiar, Santiago Dantas, Henrique Lima, Leôncio de Carvalho, Lourival Sombra, João Cancio, Clicia Gadelha, Heloísa Mourão Marques. José Rodrigues Leite e Adalberto Sena.  Confira aqui as novas matrizes.

Nessas escolas, além da ampliação da carga-horária anual para mil horas, haverá a inserção de uma nova filosofia educacional centrada na disciplina Projeto de Vida e nas escolhas de formação dos estudantes. Essas mudanças, porém, serão aplicadas gradualmente, começando pelas turmas de 1° ano dessas unidades.

Mudanças na carga horária serão adotadas já no início do ano letivo de 2019 (Foto: Arquivo SEE/Mágila Campos)

“São políticas educacionais que vêm sendo discutidas, em âmbito nacional, para aumentar a permanência do aluno na escola e melhorar a qualidade do ensino”, explica a diretora de Ensino da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, Denise Santos.

Além disso, no restante das escolas Ensino Médio Regular haverá a adoção do módulo/aula de 60 minutos. A diretora explica que essa é apenas um ajuste à legislação educacional. Até o ano passado, essas unidades adotavam o módulo de 50 minutos, porém a lei já determinava a hora aula de 60 minutos.

“É importante ficar bem claro que a única coisa que vai mudar é a organização e a disposição dos horários. As alterações não vão de encontro às leis trabalhistas. Nenhum professor vai trabalhar horas a mais, é somente uma redistribuição da carga horária e do tempo dele na escola”, enfatiza Santos.

Sobre o início das aulas e os resultados dos concursos

Previstas para começar no dia 11 de março, as aulas do ano letivo de 2019 são esperadas com grande expectativa pela nova equipe da Educação. Além disso, ainda de acordo com a diretora de Ensino, a Secretaria de Educação também está trabalhando para que os resultados do concurso e dos processos seletivos sejam homologados o mais rápido possível.

“É importante que a comunidade não dê atenção a boatos que estão sendo compartilhados em redes sociais e em grupos de aplicativos de trocas de mensagens sobre o último concurso e os processos seletivos e busque as informações corretas no site oficial do governo, da Secretaria de Educação e do Ibade”, alerta Denise.

Mais notícias