Educação

Estudantes indígenas apresentam projetos de conclusão de curso

Érica Mendonça
09.06.2008 17:03
Atualizado 09.06.2008 às 17:03

Alunos são das 14 etnias das regionais de Cruzeiro do Sul, Tarauacá/Jordão, Feijó, Sena Madureira e Assis Brasil.  

 

Nesta terça-feira, 10, a partir das 8h30, no auditório do CEP Serviços Campos Pereira, os 16 estudantes que concluíram o curso de formação inicial "Gestores de Projetos Indígenas" irão apresentar seus projetos de conclusão do curso. A apresentação será feita ao diretor-presidente do Instituto Dom Moacyr, Irailton Lima, aos representantes das instituições parceiras e outras autoridades convidadas, além dos superintendentes do Banco da Amazônia, Banco do Brasil e Sebrae.

O Curso de Gestores de Projetos Indígenas iniciou em 2006, sob a responsabilidade da então Secretaria dos Povos Indígenas. A partir de outubro de 2007, com o curso iniciando o seu segundo módulo e conforme o reposicionamento da estrutura do Governo do Estado, o Instituto de Educação Profissional Dom Moacyr assumiu a execução desse Projeto, porém, mantendo as parcerias já inicialmente estabelecidas, da Assessoria Especial para os Povos Indígenas, Universidade Federal do Acre (UFac), Secretaria de Estado de Educação (SEE), Fundação Nacional de Saúde, Departamento de Estradas e Rodagem do Acre (Deracre) e Cooperação Alemã GTZ, que é financiadora de 4 módulos do curso.

Os principais objetivos do curso foram: possibilitar os fundamentos teóricos e práticos adequados para a formação de gestores de projetos que contribuam para a melhoria das condições de vida e o fortalecimento político e cultural das sociedades e organizações indígenas; dominar conhecimentos específicos de gestão e outros conteúdos necessários para promover a melhoria da situação ambiental, econômica e sócio-cultural dos povos indígenas, entre outros.

Os educandos indígenas representam as 14 etnias existentes no Estado, vindos das regionais dos municípios de Cruzeiro do Sul, Tarauacá/Jordão, Feijó, Sena Madureira e Assis Brasil.

 

Mais notícias