https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/10/IMG-20191001-WA0001.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Cultura

FEM e Ieptec se reúnem para propor termo de cooperação técnica entre as instituições

Katiussi Melo
01.10.2019 17:30
Atualizado 01.10.2019 às 17:52

Com a proposta de apresentar um termo de cooperação técnica entre a Fundação Elias Mansour (FEM) e o Instituto Estadual de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), os gestores das duas pastas estiveram nesta semana em reunião com a coordenação da Usina de Arte João Donato. A pauta do encontro foi a discussão sobre a necessidade de ajustamento de um termo de cooperação técnica entre as duas instituições para que os serviços prestados em relação à formação na área artística possa ser oferecida à comunidade de forma responsável e eficaz.

Durante a reunião, foi apresentada uma minuta do documento e definida data para que o corpo técnico da FEM e do Ieptec trabalhe nos ajustes para concluir com brevidade o termo de cooperação.

A parceria objetiva ampliar as ações de formação artística já executadas pelas duas instituições, possibilitar o uso compartilhado do prédio da Usina de arte João Donato para que o Ieptec possa continuar oferecendo cursos de formação continuada e técnicos, concomitantemente à oferta de cursos livres já realizada pela FEM no espaço.

Reunião sobre a proposta de assinatura de termo de cooperação entre FEM e Ieptec Foto: Edson Brunno

De acordo com o presidente do instituto, Francineudo Costa, o regime de parceria e colaboração amplia o olhar e deve nortear as ações do Ieptec. “Queremos a melhor educação para o nosso estado, oferecer oportunidade através dos cursos técnicos e também procurarmos sempre atuar dando a nossa contribuição para isso, pois não há transformação social sem educação”, disse Costa.

Para o presidente da Fundação Elias Mansour, Manoel Pedro (Correinha), essa parceria visa ampliar ao máximo as ações de formação artística no Acre. “Não  podemos deixar de fomentar essas ações. A população precisa de respostas positivas naquilo que compete à FEM e ao Ieptec. Precisamos pensar no que é bom para a sociedade e para o estado”.

O presidente da FEM frisou que a atual gestão tem buscado um compromisso maior, não só na área da cultura, mas em todos os setores. “A ocupação dos espaços públicos, assim como a execução das atividades de dinamização deles, têm sido uma das principais preocupações da gestão do atual governo. Vamos trabalhar para que isso tenha continuidade e se amplie”, destaca Manoel Pedro.

A coordenadora da Usina de Arte, Simone Pessoa, revelou que é necessário o diálogo com outras instituições e órgãos para fortalecer a gestão e  ampliar os serviços públicos prestados, sobretudo no que se refere à educação. Para ela, a assinatura do Termo de Cooperação Técnica é extremamente importante.

“O termo é quem vai definir as competências e alinhar as diretrizes das ações de formação dentro da Usina, equipamento cultural da FEM, mas que sempre teve uma gestão compartilhada com o Instituto de Educação Profissional.  O mais importante é aliar as gestões para promover formação profissional aos acreanos”.

A assinatura do Termo de Cooperação Técnica ainda não tem data prevista, porém as instituições estão dialogando para agilizar o  processo.

Mais notícias