https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/09/IMG-20190923-WA0005.jpg?resize=984%2C400&ssl=1
Cultura

Galeria de Belas Artes e Inteligência da Segurança Pública ocuparão espaços no Museu dos Povos Acreanos

Katiussi Melo
24.09.2019 9:43
Atualizado 24.09.2019 às 9:45

Quem passa pelo centro da cidade de Rio Branco, dificilmente não cruza com ele no caminho. Para aqueles que atravessam a ponte Coronel Sebastião Dantas – popularmente conhecida pelos acreanos como Ponte Nova, é quase impossível que ele passe despercebido. Está ali, na esquina da Marechal Deodoro com a Epaminondas Jácome, com três andares, mais de 40 anos de história e, agora, cheio de possibilidades para as novas gerações.

FEM e Segurança pública já têm lugar garantido no novo Museu Foto: Assessoria

Anteriormente denominado Colégio Meta, o prédio localizado às margens do rio Acre finalmente tem destinação certa: além de abrigar o setor de inteligência da Secretaria de Segurança Pública, parte do edifício ficará sob a responsabilidade da Fundação Elias Mansour (FEM), que promoverá a instalação de um espaço cultural denominado Galeria de Belas Artes.

“É muito gratificante para nós. É uma conquista não só para a FEM, como para os artistas e toda a população”, disse Manoel Pedro, presidente da FEM. “Além do espaço ser ideal para a instalação de uma galeria está localizado bem no centro da cidade, o que possibilita o acesso mais facilmente pela comunidade”.

Hoje, a FEM é responsável pela administração de mais de 35 espaços culturais no estado.

Mais notícias