https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/06/WhatsApp-Image-2019-06-04-at-19.46.39.jpeg?resize=1200%2C400&ssl=1
Educação

Gladson Cameli é o primeiro governador a participar de um fórum da Undime no Acre em 16 anos

Da Redação
05.06.2019 7:53
Atualizado 05.06.2019 às 16:15

Pela primeira vez, em 16 anos de fundação no Acre da União Nacional dos Dirigentes Municipais da Educação (Undime) um governador de estado se faz presente a um encontro de grande porte da entidade.

Nesta terça-feira, 4, o governador Gladson Cameli esteve participando do 16º Fórum Estadual da Undime, que acontece este ano em Cruzeiro do Sul, e cujo tema é “Regime de Colaboração, Novos Caminhos e Novas Perspectivas em Educação do Acre”.

Pela primeira vez, em 16 anos de fundação no Acre da Undime um governador de estado se faz presente a um encontro de grande porte da entidade. (Fotos: Marcos Vicentti/Secom)

Nesta edição, 20 secretários dos 22 municípios estão presentes no encontro que vai até esta quarta-feira, 5 e que serve para discutir a Educação e as diversas formas de aperfeiçoá-las cada vez mais em todo o estado.

Entre eles, o secretário de Educação do Município de Rio Branco, Moisés Diniz, fez uma observação. “É muito bom ter um governador que dialoga e que se aproxima das pessoas. É o que o Acre precisa, pois estamos num estado que apresenta muitas dificuldades”, afirmou Diniz.

De sua parte, o governador pediu o apoio de todos os educadores, numa união de forças por um estado mais promissor para as crianças e adolescentes. “Eu peço aqui ao nosso querido secretário de Educação [Mauro Cruz] um tratamento igual a todos os municípios por parte do governo”, disse Cameli.

Na ocasião, toda diretoria-executiva foi homenageada, entre eles, a professora Eca Isquierdo, fundadora da Undime no Acre, e os professores Claudinor Cordeiro, Iza da Silva e Ana Luce Galvão.

A União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação é formada de dirigentes municipais de educação. Não tem fins lucrativos e é por meio dela que as secretarias de educação dos municípios podem trocar informações e experiências.

Mais notícias