https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/07/Espaço-ambientais-Foto-marcos-vicentti-1.jpeg?resize=1200%2C400&ssl=1
Expoacre 2019

Governo expõe as políticas ambientais do Acre no Espaço Agroflorestal

Katiúscia Miranda
01.08.2019 9:39
Atualizado 01.08.2019 às 9:55

O trabalho realizado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) é o tema do primeiro estande do Espaço Agroflorestal, com a exposição das políticas ambientais do Estado do Acre. Os técnicos da Sema levaram para a Expoacre os materiais informativos, recursos audiovisuais, jogos ambientais, equipamentos e o conhecimento para repassar para a população o que a pasta do Meio Ambiente faz, além de contribuir para a preservação das florestas.

“A gestão ambiental apoia diretamente com as áreas econômica e social, numa perspectiva da sustentabilidade. Portanto, a pasta do Meio Ambiente do Estado do Acre tem o desenvolvimento das comunidades tradicionais como um dos seus principais objetivos. Estamos na Expoacre mostrando para a população que o nosso trabalho é cuidar das nossas florestas públicas, do meio ambiente de forma ampla e também das pessoas”, argumentou o secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani.

Governador Gladson Cameli visita estande da Sema Foto: Cedida

Quem for ao estande da Sema poderá conhecer um pouco mais sobre o Acre, sua fauna, flora, a ocupação do seu território, receber informações sobre os povos indígenas, florestas, monitoramento da qualidade da água e muito mais. Os jogos ambientais são o principal atrativo do público jovem. “Os jogos ambientais abordam os aspectos socioambientais do nosso Estado, desde o cultural, até o territorial”, comentou o chefe do departamento de Educação e Difusão Ambiental da Sema, Luiz Fernando Silva Nogueira.

A população também terá acesso a informações sobre o manejo florestal de uso madeireiro e não madeireiro, incluindo a exposição das cooperativas apoiadas pelo Governo do Estado do Acre através da Sema e sobre concessão florestal nas Unidades de Conservação do Estado do Acre (Complexo de Florestas Estaduais do Rio Gregório).

Espaço da Sema expõe as polícias ambientais do Estado do Acre Foto: Marcos Vicentti

Outros assuntos tratados durante a apresentação da Sema na Expoacre são o Plano de Desenvolvimento Comunitário – PDC nas Comunidades Rurais, Plano de Gestão dos Territórios Indígenas do Estado do Acre – PGTI e Etnozoneamento, Gestão de Recursos Hídricos e de Riscos Ambientais no Acre, Sistema Estadual de Áreas Naturais Protegidas – Seanp, Educação Ambiental e Práticas Ambientais Sustentáveis, Zoneamento Ecológico Econômico do Acre (ZEE), além de licenciamento e controle ambiental, por meio do Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac).

A Sema está coordenando o Espaço Agroflorestal, que tem como parceiros o Instituto de Meio Ambiente do Acre (IMAC), Instituto de Mudanças Climáticas (IMC), o Instituto de Terras do Acre (Iteracre), o Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa), a Agência Reguladora do Acre (Ageac), a Fundação de Tecnologia do Estado do Acre (Funtac), o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), o Instituto de Educação Profissional e Tecnológica (Ieptec), Universidade Federal do Acre (Ufac), além das instituições do setor madeireiro, como o Sindicato das Indústrias Madeireiras do Estado do Acre (Sindusmad) e a Associação das Indústrias Manejadoras do Estado do Acre (Asimmanejo). Conta ainda com a participação da Dom Porquito, Acreaves e Vitrine do Peixe.

Mais notícias