Compromisso

Governo inicia pagamento de verbas rescisórias de comissionados

O governo do Estado deu início ao pagamento, em outubro, das verbas rescisórias dos comissionados exonerados na gestão passada. Por determinação do governador Gladson Cameli, o pagamento começou a ser efetuado tendo como base as pessoas que tinham menor valor para receber, mesmo critério adotado para o pagamento do décimo atrasado.

Em outubro foram 424 processos finalizados e encaminhados para empenho totalizando R$ 959 mil. No total, a dívida herdada é de R$ 22 milhões, sendo necessário o pagamento de 2.200 processos. No mês de novembro serão efetivados os pagamentos de 224 pessoas que têm entre R$ 1.500 e R$ 4.700 de verbas rescisórias. Somando os meses de outubro e novembro, o governo terá quitado quase 30% do valor devido.

“Os processos da verba rescisória são analisados individualmente, não montamos tabela, a todo o momento entram novos processos, uns estão prontos e outros estão em trâmite processual e serão inseridos para pagamento, sempre dentro do critério do menor valor. O pagamento será feito de forma escalonada. A possibilidade atual é de pagar até um milhão de reais por mês. Mês a mês faremos a avaliação dos recursos”, destacou a secretária de Planejamento e Gestão, Maria Alice de Araújo.

Para garantir que os pagamentos sejam realizados, o setor de Divisão de Verbas Rescisórias da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) intensificou o trabalho. “São cinco valorosos servidores que em um curto espaço de tempo se dedicam ao máximo para agilizar o andamento dos processos e garantir o pagamento”, completou a secretária.