https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/09/WhatsApp-Image-2019-09-20-at-09.30.22.jpeg?resize=1032%2C400&ssl=1
Acre

Governo investe na capacitação de militares para a promoção da segurança pública no Acre

Lilia Camargo
20.09.2019 10:30
Atualizado 20.09.2019 às 10:34

Oferecer segurança pública de qualidade ao povo acreano tem sido umas das maiores preocupações do governo de Gladson Cameli. Para isso, além de aumentar o quantitativo policial, o Estado também vem investindo na capacitação profissional continuada dos operadores da segurança. Neste sábado, 21, a Polícia Militar envia mais dois homens ao Ceará. A missão é aprimorar as técnicas de patrulhamento ostensivo e preventivo com o uso de motocicletas.

“O Acre é um estado com muitos ramais, becos, trilhas e vielas e a maioria dos crimes é praticada com o uso da motocicleta, o que facilita a fuga dos infratores. Esse investimento, enviando profissionais para capacitação fora do estado, faz parte do nosso objetivo maior que é otimizar os serviços e promover segurança, se antecipando e dando resposta rápida ao crime”, destacou o comandante geral da Polícia Militar, coronel Ezequiel Bino.

Todas as despesas estão sendo arcadas pelo governo como investimento na capacitação de profissionais da segurança. Foto: Lília Camargo

Com 19 anos na instituição, o comandante do Grupamento de Intervenção Rápidas e Ostensivas (GIRO) em Rio Branco, Evandro Henckes, diz estar preparado para a  missão. Ele e o terceiro-sargento Jogicley Souza passarão 45 dias fora e, ao retornarem, herdarão a responsabilidade de capacitar os alunos soldados do último concurso, que estão em processo de formação.

“É tamanha a responsabilidade e sei que não vai ser fácil, encontraremos dificuldades, mas estamos indo preparados para tudo. Vamos buscar essa capacitação e agregar conhecimento à nossa corporação”, disse o militar.

Além destes dois militares, estão em processo de capacitação outros dois policiais no Rio Grande do Norte e dois policiais em São Paulo. No Acre, há o curso em andamento de Controle de Distúrbios Civis, com 150 homens sendo preparados e o Curso de Formação de Soldados com 245 novos policiais que já estão sendo inseridos nas ações da segurança pública.

“A Policia Militar está dando ênfase na capacitação de seus profissionais e trabalhando de forma técnica. As perspectivas são as melhores para investimentos futuros. Esses homens que estão indo para o Ceará retornarão mais capacitados e com conhecimento suficiente para instruir outros militares aqui no estado, creio que retornarão vitoriosos”, finalizou o comandante do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), Edener Franco.

Mais notícias