https://i0.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/01/Foto-Evandro-Derze2.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Governo

PM realiza troca de comando em solenidade com o governador Gladson Cameli

Lilia Camargo
02.01.2019 20:49
Atualizado 02.01.2019 às 21:31

O coronel Mario César Freitas já é o novo comandante-geral da Polícia Militar do Estado do Acre. Por volta das 17h30 desta quarta-feira, 2, ele foi empossado no cargo máximo da Corporação. A solenidade de troca de comando aconteceu em frente ao quartel geral da Instituição, no centro de Rio Branco, com a presença do governador Gladson Cameli, e do vice-governador, Major Rocha.

“É uma grande honra a oportunidade de comandar a Polícia Militar. É uma instituição centenária, histórica e vamos estar com o trabalho voltado principalmente, na área de prevenção. A intenção é fazer um combate forte [ao crime], mas trabalhar priorizando ações preventivas”, afirmou o novo comandante-geral, ao anunciar também o reforço das operações já nesta quinta-feira, 3.

Da esquerda para a direita, o ex-comandante Marcos Kinpara, o secretário de Segurança, Paulo César dos Santos, o vice-governador, Major Rocha, o governador Gladson Cameli e o novo comandante da PM, coronel Mário César (Foto: Evandro Derze/Secom)

Além dos batalhões de policiamento urbano, participaram da solenidade, grupos especiais como o Pelotão Florestal e o Batalhão de Operações Especiais. O cargo foi repassado pelo coronel Marcos Kinpara, que por doze meses esteve à frente do comando-geral. Gladson Cameli fez a transição entre os dois coronéis.

Para o novo governador, a missão de Mario César é desafiadora. Mas ele acredita no potencial do militar, além de prometer dar condições para a atuação das polícias no estado.

“O momento é de dizer que vamos dar condições para que nossas polícias possam proteger nossas famílias. Eu, como chefe do Executivo e com o Major Rocha não podemos permitir a continuidade do crime organizado impondo o o medo aos acreanos. Sei das dificuldades, mas vamos colocar em prática tudo aquilo que falamos no período eleitoral”, ressaltou o governador.

Kinpara disse sair tranquilo e com o sentimento de que fez o seu melhor à frente da Instituição.

“O momento agora é de agradecimento. Foi uma honra comandar a Polícia Militar do Estado do Acre. Desejo ao novo comando que possa alcançar tudo aquilo que desejei, mas, não consegui. Apesar do ano não ter sido fácil com a falta de dinheiro e o aumento do crime, fiz tudo que era possível. Entrei pela porta da frente e estou saindo pela porta da frente”, disse o ex-comandante.

O novo comandante é graduado em Direito e pós-graduado em Segurança Pública. Tem diversos cursos de especialização na área de segurança e já atuou em todas as funções da Polícia Militar, chegando inclusive ao subcomando.

Mais notícias