https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/05/321A6699.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Geral

Procon orienta instituição financeira a ampliar serviços de divulgação dos horário de atendimento

Viviane Teixeira
16.05.2019 10:44
Atualizado 16.05.2019 às 10:44

O diretor do Procon, André Gil Afonso Pereira, se reuniu na manhã desta quinta-feira, 16, com o superintendente do Banco do Brasil no Acre, Márcio Carioca. O encontro foi motivado por reclamações de moradores de Cruzeiro do Sul sobre a possível falta de cédulas nos caixas eletrônicos da instituição financeira.

Durante a reunião ficou estabelecido que o banco irá ampliar divulgação do horário de funcionamento (Foto: Marcos Vicentti/Secom)

O superintendente explicou que por medida de segurança o atendimento ao público nas salas de autoatendimento das duas agências bancárias do município é realizado das 7 às 20 horas. Ainda que os locais sejam abertos às 6 horas para evitar que os clientes fiquem sem abrigo até o início da operação.

Nas agências são afixados cartazes informando o horário de atendimento. Durante a reunião, o superintendente apresentou um demonstrativo mostrando que havia cédulas nos caixas eletrônicos no dia em que os clientes fizeram a denúncia.

“Os clientes tentaram sacar dinheiro antes do horário de funcionamento. Tomamos a medida de restringir o horário de atendimento, bloqueando os terminais, para evitar que as pessoas fossem lesadas”, destacou Carioca.

De acordo com o superintende, o novo horário para a utilização das salas de autoatendimento foi estabelecido em agosto do ano passado em razão de ocorrências relacionadas à clonagem de cartões, captura de senhas e abordagem, principalmente de idosos, por pessoas mal intencionadas.

Ao final da reunião, o diretor do Procon orientou a instituição financeira a ampliar o serviço de divulgação sobre os horários de atendimento das agências bancárias. “Os consumidores precisam estar cientes dos horários de funcionamento. Orientamos ao banco para procurar as rádios locais para alcançar um maior número de pessoas que necessitam utilizar os serviços oferecidos”, destacou o diretor.

Mais notícias