https://i1.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/08/CASARÃO-05.jpg?resize=921%2C400&ssl=1
Geral

Rádio Difusora comemora 75 anos com festa no Senadinho

Samuel Bryan
23.08.2019 14:21
Atualizado 23.08.2019 às 15:15

São 75 anos de jornada. Mais do que isso, são 75 anos de uma jornada que faz parte da história do Acre e da vida de milhares de pessoas. Por isso, era mais do que justo que as comemorações de aniversário da Rádio Difusora, a famosa “voz das selvas”, reunisse essas pessoas e suas histórias.

Pensando nisso, o famoso Forró do Senadinho foi palco na manhã desta sexta-feira, 23, de uma edição especial realizada no Casarão, que comemorou justamente os 75 anos da rádio.

Com o forró lotado, com direito a participação de inúmeros membros da rádio entre locutores e corpo técnico, além de um grande bolo, a festa reuniu verdadeiros fãs, como o senhor Paulo Roberto de Oliveira, que aos 71 anos, mesmo precisando de uma bengala de apoio, é um frequentador assíduo do Senadinho e um ouvinte ferrenho da Difusora.

 

Comemoração da Difusora no Senadinho teve direito a bolo e muita dança Foto: Neto Lucena/Secom

“Eu tenho uma história muito bonita com a Difusora, do tempo que eu era menino, da minha época de Crisma. E a mamãe não me deixava ir pra canto nenhum, mas eu podia ir 7 horas da noite pra casa do meu padrinho de Crisma, porque tinham as histórias infantis na rádio, como a do Doutor João Raposo, a Dona Baratinha e a Chapeuzinho Vermelho, e eu ia escutar lá”, conta o animado senhor.

 

“Eu tenho uma história muito bonita com a Difusora”, conta Paulo de Oliveira Foto: Neto Lucena/Secom

Nascido no bairro Seis de Agosto, Paulo declara seu amor pelo bairro e pela rádio, desejando uma vida longa ao sistema público de comunicação. “Eu quero dizer para os funcionários e os ouvintes que eu tenho muita satisfação, porque eu torci demais pelo novo transmissor e a maior satisfação da minha vida foi ter visto esses dias na internet que a Difusora já está com o novo transmissor funcionando”.

Sobre a Rádio Difusora

A Rádio Difusora Acreana nasceu em 1944. Os equipamentos vieram de avião e pesavam cerca de 400 quilos. Seu estúdio foi instalado no antigo Instituto Getúlio Vargas e em 7 de agosto de 1944 aconteceu a primeira transmissão da rádio em caráter experimental. Mas foi apenas no dia 25 de agosto que ela entrou no ar efetivamente, como ZYD-9. As instalações atuais, no centro da cidade, só foram ocupadas em 1 de maio de 1949.

Fãs e ídolos

Coordenadora voluntária do Forró do Senadinho há 20 anos, a professora Mira Rocha conta como a Rádio Difusora tem uma longa história não só com ela, mas com o próprio Senadinho. Feliz por ver os funcionários na festa, ela ressalta a importância dessa aproximação.

“Eu não sou do Acre, eu sou paraense, mas eu escuto a Difusora desde pequena, acompanhei durante toda vida, conheço os funcionários e me dou bem com todos. Tem o programa da Nilda Dantas que eu não perco e de tantos outros. A Difusora está de parabéns, acompanha nosso Senadinho e faz parte da vida dos nossos idosos”, destaca.

Nilda Dantas transmitiu o próprio programa ao vivo do Senadinho Foto: Neto Lucena/Secom

E a própria Nilda Dantas estava presente na festa, apresentado músicas e transmitindo seu programa ao vivo do local. A grande dama do rádio acreano teve sua primeira entrada na Difusora em 1971 e é até hoje a campeã de cartas recebidas na emissora, inclusive recebendo 15 recados escritos pelos dançantes do Senadinho só na festa.

“A Difusora significa mais de meia década na minha vida. Eu era criancinha quando a minha mãe me levava para os programas de calouro na Difusora quando não existiam nem rádios nas residências. A mensagem que eu tenho é principalmente pras pessoas que moram nos lugares mais isolados, que pra nós ainda é pouco o que fazemos por essas pessoas que acreditam na nossa mensagem por meio da nossa rádio”, relata a locutora.

Programação marcante

Comemorações simbolizam 75 anos de história e novidades para o futuro (Foto: Neto Lucena/Secom)

Raimundo Fernandes, diretor da Difusora, relata os avanços da rádio nesta nova gestão. A mais antiga rádio AM do estado está operando com dois novos e potentes transmissores. Um com 10 quilos de ondas médias e outro com cinco quilos de ondas tropicais.

Os novos equipamentos levam o som da rádio mais longe, com mais qualidade e com o mesmo compromisso de integrar o estado. Bom para a emissora, excelente para os ouvintes espalhados por toda região. Tudo para fortalecer ainda mais a rádio.

“A Difusora tem esse perfil de reunir pessoas de todas as idades. Marcante na comunicação do Acre, temos essa utilidade público e dever de transmitir bem. Tínhamos obrigação de vir aqui no Senadinho e na semana ainda teremos mais programação com show, corrida e sessão solene na Assembleia Legislativa na segunda-feira, 26”, disse Fernandes.

Mais notícias