https://i2.wp.com/www.agencia.ac.gov.br/wp-content/uploads/2019/08/slider.jpg?resize=1200%2C400&ssl=1
Segurança

Segurança apresenta plano de ação aos motoristas de aplicativos para prevenção de crimes contra a categoria

Alamara Barros
13.08.2019 10:34
Atualizado 13.08.2019 às 21:57

Com o objetivo de prevenir e combater os crimes que têm como vítimas os motoristas de aplicativos, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Acre, apresentou na manhã desta terça-feira, 13, aos representantes da categoria, um plano de ação que irá integrar o órgão a esses profissionais, proporcionando alternativas que evitem qualquer eventualidade criminosa.

 

Os motoristas de aplicativos reunidos com a cúpula da segurança pública, para a apresentação do Plano de Ação. Foto: Ascom.

Entre as medidas apresentadas no Plano de Ação está o cadastramento dos motoristas de aplicativos na Sejusp, bem como os motoristas cadastrados, passarão por um treinamento de prevenção aos crimes contra a categoria.

 

O secretário Paulo Cézar, conduziu a reunião e explicou que o Plano de Ação conta com uma série de medidas de prevenção ao crime contra a categoria, bem como medidas que resguardam também a vida dos usuários do serviço, assim como foi elaborado também para os motoristas de ônibus.

 

“Como havíamos sugerido na primeira reunião com a categoria, eles passarão por um treinamento e será feito um cadastro de cada um deles aqui pela Sejusp, com isso não só os profissionais, mas também os usuários terão mais segurança na utilização do serviço, além de outras medidas previstas no Plano”, destacou.

 

De acordo com o tenente coronel Luciano, será um trabalho feito em parcerias. “É um conjunto de medidas que adotaremos juntamente com os motoristas de aplicativos, com os usuários do serviço, prefeitura e vários órgãos empenhados em aperfeiçoar e melhorar as condições de trabalho desse tipo de transporte”, destacou o coordenador do Ciosp, completou.

 

Para o o presidente da Associação dos Motoristas de Aplicativos, Rodrigo Vale, o cadastramento dos profissionais na Sejusp, será um grande passo para a resolução do problema dos crimes envolvendo a categoria.

 

“Nós iremos receber um formulário, que será interessante que todos os associados preencham para que a Secretaria de Segurança conheça os motoristas, e que os usuários se sintam mais seguros com essa medida. Outro ponto importante é que a partir desse Plano de Ação, nós iremos receber um treinamento adequado e nos encontrar uma vez por mês com a cúpula da segurança para pontuar o que melhorou e onde ainda precisamos acertar”, finalizou.

Mais notícias